01/11/2018 – O ar quente e úmido predomina sobre a Região Centro-Oestee vai garantir a formação de mais nuvens carregadas durante este feriado de Finados. O risco de temporais aumenta em Mato Grosso, Goiás e no Distrito Federal, enquanto as fortes áreas de instabilidade, que provocaram muita chuva em Mato Grosso do Sul, tendem a enfraquecer.

Nesta sexta-feira (2), feriadoos períodos de sol voltam a acontecer por todo o estado de Mato Grosso do Sul, mas ainda há previsão de pancadas de chuva com raios, especialmente entre à tarde e a noite. No sul de Mato Grosso do Sul, ainda pode chover também no período da manhã. As áreas de instabilidade mais intensas devem se afastar do estado. Ocorrem algumas as pancadas de chuva moderadas à fortes, mas não tão intensas e volumosas como foram nos últimos dois dias. As rajadas de vento poderão alcançar os 70 km/h.

Mato Grosso, Goiás, o Distrito Federal também terão um feriado marcado por períodos de sol e pancadas de chuva. Porém, o risco de temporais será bastante elevado nestas áreas, e inclusive nas capitais Cuiabá (MT), Goiânia (GO) e Brasília (DF). A chuva é esperada principalmente para tarde e noite, apenas no norte de Mato Grosso, as pancadas de chuva deverão ser mais frequentes e acontecem desde cedo.

Foto: Climatempo

    Foto: Higor Fernandes de Souza. Brasília/DF.

Novembro começou com temporais em MS

Fortes áreas de instabilidade que se formaram na noite de quarta-feira (31) sobre o Paraguai avançaram para Mato Grosso do Sul nesta quinta–feira (1), deixando o tempo muito instável. Novembro começou com temporais e chuva volumosa, especialmente no centro-sul do estado.

Só entre à 8 horas e às 14 horas desta quinta, o volume de chuva atingiu 84,6 mm em Ponta Porã, no sul de Mato Grosso do Sul, segundo as medições do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). A média histórica de novembro é de aproximadamente 214 mm na cidade. Também choveu muito em outros municípios do estado neste período. O INMET registrou 53 mm em Juti, 46 mm em Sete Quedas, 35 mm em Ivinhema e 32 mm em Bela Vista.

A capital Campo Grande a tarde também foi de temporal com rajadas de vento que chegaram a 63 km/h.

Como fica o fim de semana

Durante o fim de semana, novas áreas de instabilidade vão começar a crescer no Paraguai. O sábado (3) ainda será com bastante sol e pancadas de chuva com raios em geral a partir da tarde sobre Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Já Goiás e o Distrito Federal, ficam bem instáveis. Pode chover várias vezes e há risco de temporais.

No domingo (4), a nebulosidade se espalha e as condições de chuva aumentam por Mato Grosso do Sul e o sul de Mato Grosso. O tempo fica bastante abafado e a chuva deve acontecer ao longo do dia, podendo ser forte. Goiás e o Distrito Federal terão maiores períodos de sol e mais pancadas de chuva com raios.